01/10/2006

Pianistas #16: Vladimir Horowitz (1903-1989)

Um sem número de razões podem levar a que um texto fuja do alinhamento inicialmente estabelecido; o que tal possa eventualmente trazer de menos positivo é por vezes compensado pelo doce sabor do inesperado. Desta vez, sentei-me decidido a escrever algo direitinho sobre o pianista, russo de nascimento, Vladimir Horowitz, aquele do lacinho, mas rapidamente perdi o rumo.

Começar direitinho, pensei eu, passaria por referir logo de início a sua data de nascimento. Primeiro problema: descobri de imediato haver mais do que uma versão para algo que deveria ser indiscutível; afinal de contas, o homem nasceu no início do século XX, não foi portanto assim há tanto tempo como isso. Democraticamente, acabei por aceitar o veredicto da maioria: 1 de Outubro de 1903. Votos vencidos: o do Dicionário Grove de Música (muito conceituado, fiquei preocupado) e o Dictionnaire de la Musique (menos conhecido, poucos se lembrarão de lá ir espreitar).

Seguiu-se então, penso que ajuizadamente, a procura de informação sobre a vida de tão extraordinário intérprete. Segundo problema: no Horowitz Official Website on Sony Music li o seguinte (sem tradução, para que não pensem que estou a enviezar a coisa): "Join Vladimir Horowitz's mailing list to stay up-to-date on all the latest news, tour info, contest announcements, and more!". Tour info?! Então se ele faleceu em 1989, como diabo é que posso, em 2006, esperar novidades fresquinhas sobre tour info???!!! E não é que, depois de ter encalhado na data do nascimento, pretenderam afundar-me com a da morte? Inadmissível, obviamente, pelo que aqui a deixo sem hesitação: 5 ou 6 de Novembro de 1989, dependendo das fontes...

A prometida história sobre Vladimir Horowitz,
aqui anunciada no distante mês de Fevereiro de 2005, ficará então para outra altura, que este texto já vai longo. Talvez, até lá, alguém me consiga esclarecer sobre tão perturbantes diferenças de opinião. Fica desde já o agradecimento.


Internet

Vladimir Horowitz
Sony Classical / Wikipedia / VlHorowitz.net / TIME

Sem comentários:

Enviar um comentário